Afinal, o que é ser uma mulher empoderada?

Atualmente da mesma forma que o feminismo, já percebemos que o termo “empoderamento” também vem sendo desgastado.

Isso porque muitas vezes ouvimos conceitos deturpados tanto de um quanto do outro, relacionados com, “não gostar de homem, não se depilar, não casar, não ter filhos, sair na rua mostrando os peitos”.

Primeiramente, empoderamento feminino é diferente de feminismo.

O feminismo de forma bem resumida, busca a igualdade social, política e econômica entre os gêneros. Se você prestou bastante atenção nesta última frase, talvez não encontre mais a relação com os termos esdrúxulos muitas vezes aplicados a ele.

O feminismo já trouxe conquistas na reivindicação ao direito do voto, o direito do divórcio, da educação, da liberdade sexual, da igualdade salarial, entre tantas outras.

O empoderamento feminino, apesar de ter alguma relação com o feminismo, se preocupa em dar poder às mulheres, fortalecer seus papéis perante a sociedade.

Empoderamento significa dizer para nós mulheres, que podemos ser e fazer o que quisermos, e fazer escolhas que nos fazem sentido.

Se para você, ser uma mulher empoderada significa ter um bom cargo no trabalho, uma família feliz, ter filhos e ter tempo para eles, estar sempre linda e equilibrada, você está certa! Mas precisará apenas de encontrar meios para equilibrar tudo isso, pois nos cobramos demais, queremos ser perfeitas em tudo. Mas está tudo bem em querer isso.

Mas se para você, ser empoderada significa ser totalmente independente, livre, e não se importar com os padrões de beleza impostos, está tudo bem também, afinal é isso que faz sentido para você.

Mas saiba que ainda assim, algumas mulheres passam por longos e dolorosos processos até aceitarem seu próprio corpo, até aceitarem que não querem realmente se importar com isso.

Tenha simplesmente respeito pelas diferenças e tenha em mente que você não precisa se enquadrar para agradar ninguém e isso não reduz o seu valor, afinal você precisa estar bem e feliz com suas decisões.

A busca pelo empoderamento começa quando respeitamos umas às outras. É aqui que entra a sororidade, que elimina o pensamento de que todas nasceram para se odiar, para competirem entre si. Temos tido dificuldade de chegar a esta conclusão. Enquanto isso falamos mal daquela que é bonita demais, afinal ela deve ter outros defeitos, e também daquela que é feia e tem um marido bonitão, afinal ele deve estar com ela por interesse,  julgamos a mãe solteira, a mulher que sofre abuso, pode ser que ela consentiu.

Uma vez que paramos de julgar, começamos a nos enxergar como heroínas, e com isso, toda energia muda e as mudanças começam. Muitas vezes, algumas mulheres estão presas à uma realidade que acreditam ser a única possível de viver, além de não conseguirem sair por suas próprias forças, são julgadas por outras, que poderiam estar apoiando e incentivando a enxergar além.

Muitas de nós barramos o empoderamento, o feminismo, porque não nos enxergamos entre nós, mulheres, como iguais, com as mesmas fragilidades, com o mesmo tipo de ensinamentos que nos apresentou mais o sim do que o não.

Como um processo de Coaching pode ajudar você em seu empoderamento?

Auto aceitação, caso você tenha decidido que está tudo bem em não ser o estereótipo de mulher que a sociedade idealiza, ainda virão além das críticas externas, a auto cobrança, e as dificuldades com a própria aceitação.

Segurança e equilíbrio entre vida profissional e pessoal, se você decidiu que quer ter uma família com harmonia e tempo para os filhos, uma carreira promissora, estar sempre bonita e bem arrumada, provavelmente você tem uma cobrança muito alta consigo mesma e pode se frustrar por não conseguir desempenhar todos os papéis. O Coaching ajudará a ter segurança de que você pode sim ser o que quiser, mas desde que seja com equilíbrio.

Enfim, há uma infinidade de outras questões que um processo de Coaching pode ajudar em seu empoderamento, mais alguns exemplos:

-Te fortalecendo para sair de um relacionamento abusivo, na qual você se sente impotente.

-Dando segurança para lidar com liderados do sexo masculino.

Se você for mulher, é possível aplicar o empoderamento na sua própria vida, trabalhando a sua confiança, se fortalecendo e tendo ambição para seguir os seus sonhos. Assim que você se sentir uma mulher empoderada, você poderá encorajar amigas, parceiras e familiares a fazerem o mesmo. Assim como nesse artigo, em que cada pessoa que ler, poderá desenvolver uma nova percepção sobre esse assunto, e acabará conscientizando ainda mais mulheres.

Atualmente da mesma forma que o feminismo, já percebemos que o termo “empoderamento” também vem sendo desgastado.
Isso porque muitas vezes ouvimos conceitos deturpados tanto de um quanto do outro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s